Pages Navigation Menu

Você sabia que é possível manobrar um navio sem sair da USP?

Como se estivesse em um navio prestes a entrar ou sair de um terminal portuário. Essa é sensação de quem entra no Full-Mission. O primeiro simulador construído com tecnologia totalmente brasileira, com modelos matemáticos e softwares desenvolvidos a partir de pesquisas realizadas por professores, alunos e pesquisadores dos diversos departamentos da Escola Politécnica da USP.Leia mais...

Leia mais

Spinoff da Poli desenvolve software para gerenciar manobras de grandes navios no Porto de Santos

A tecnologia da empresa Argonáutica vem auxiliando os práticos na manobra e atracação de navios de grande porte no Porto de Santos desde 28 de junho. A inovação teve como origem um conjunto de teses de doutorado desenvolvidas na Poli. Leia...

Leia mais

Projeto da Poli é finalista no Prêmio ANP de Inovação Tecnológica

O Simulador Marítimo Hidroviário (SMH), desenvolvido por uma equipe coordenada pelo professor Eduardo Aoun Tannuri, do Tanque de Provas Numérico (TPN), é um dos finalistas no Prêmio ANP de Inovação Tecnológica 2016. O sistema, que é 100% nacional, reproduz no computador condições do mar e outras variáveis de alguns dos principais portos brasileiros. Leia...

Leia mais

Alpha Crucis terá simulador de manobras marítimas

Alpha Crucis terá simulador de manobras marítimas que permitirá estudar e definir manobras marítimas que poderão ser realizadas pelo Alpha Crucis em diferentes situações de vento, correnteza e ondas, por exemplo, de modo a assegurar a estabilidade e o posicionamento da embarcação e dirimir riscos de avarias.

Leia mais

Sistema de Realidade Virtual para Simulação de Trem

A simulação é feita a partir de uma base georeferenciadas, obtidas por meio de imagens de satélites da Nasa. As imagens são importadas e inseridas no programa e o simulador gera automaticamente a simulação, incluindo o relevo, com montanhas, rios, pontes e até túneis.

Leia mais

Poli-USP desenvolve simulador de manobras de navios

O simulador já está sendo utilizado nos portos brasileiros, como o de Tubarão, onde foi simulada a atracação de um dos maiores navios do mundo, o Vale Brasil.

Leia mais